quinta-feira, 30 de junho de 2011

Empresas X Redes Sociais

10 LEIS DO MARKETING NAS MÍDIAS SOCIAIS

Como trabalhar sua marca nas mídias sociais? Para os pequenos empresários pode parecer um desafio muito grande entrar neste universo e trabalhar com ferramentas tão dinâmicas e novas. Se por um lado tudo parece assustador, por outro a quantidade de informações e cases podem ajudá-lo a montar uma estratégia e começar a vislumbrar sua empresa nas redes sociais.

O guia divulgado no portal Entrepreneur pela especialista Susan Gunelius é um exemplo, ela é presidente da Creative KeySplash Inc.. Para ela, os empreendedores devem aproveitar as redes sociais para criar um buzz em torno de sua marca, para isso é preciso investir em conteúdo de qualidade. Susan preparou um guia com as 10 leis do marketing em mídias sociais, confira:

1. A Lei de Escutar
O sucesso em mídia social e marketing de conteúdo depende mais de ouvir do que de falar. Leia o conteúdo do seu público alvo e participe de discussões para saber o que é importante para eles. Só então você poderá criar conteúdos e conversas que agreguem valor aos seus clientes e prospects.

2. A Lei do Foco
É se especializar do que ser “pau para toda a obra”. Uma mídia social altamente focada e uma estratégia de marketing de conteúdo destinam-se a construir uma marca forte. Elas terão mais chance de sucesso do que uma estratégia global que tenta ser tudo para todas as pessoas.

3. A Lei da Qualidade
Qualidade triunfa sobre a quantidade. É melhor ter mil contatos on-line que leem, compartilham e falam sobre o seu conteúdo que 10 mil conexões que desaparecem depois de se conectar com você apenas uma vez.

4. A Lei da Paciência
Resultados em mídias sociais e marketing de conteúdo não acontecem da noite para o dia. Embora seja possível fazer ações relâmpago, é muito mais provável que você precisa comprometer-se a longo prazo para alcançar resultados.

5. A Lei da Composição
Se você publicar conteúdo de qualidade e trabalhar para construir a sua audiência online, seus seguidores irão compartilhar seu conteúdo com seus amigos no Twitter, Facebook, LinkedIn, seus próprios blogs e muito mais.
Este compartilhamento e discussão sobre seu conteúdo abrem novos pontos de entrada para os motores de busca. Assim seu conteúdo estará acessível a um número cada vez maior de pessoas.

6. A Lei da Influência
Dedique tempo para os influenciadores online em seu mercado, que têm um público de qualidade e podem estar interessados em seus produtos, serviços e negócios. Faça contato com as pessoas e trabalhe para construir relacionamentos com eles.
Estes contatos podem compartilhar seu conteúdo com seus próprios seguidores, o que poderia colocar você e sua empresa na frente de um público novo enorme. Lembre-se: para isso a informação deve ser útil.

7. A Lei do Valor
Se você gastar todo seu tempo nas mídias sociais falando sobre seus produtos e serviços, as pessoas vão parar de ouvir. Você deve adicionar valor à conversa. Se concentrar menos em conversões e muito mais na criação de conteúdo surpreendente e desenvolver relacionamentos com pessoas influentes online.

8. A Lei de Reconhecimento
Você não iria ignorar alguém que o aborda pessoalmente, por isso você não deve ignorá-los online. Construção de relacionamentos é uma das peças mais importantes do sucesso em mídias sociais, por isso sempre reconheça e converse com cada pessoa que chega a você.

9. A Lei de Acessibilidade
Não publique o seu conteúdo e depois desapareça. Esteja disponível ao público. Isso significa que você precisa publicar conteúdo de forma consistente e participar das conversas. Se você não estiver disponível seu público não hesitará em abandoná-lo.

10. A Lei da Reciprocidade
Você não pode esperar que os outros compartilhem o seu conteúdo e falem sobre você se você não fizer o mesmo por eles. Assim, uma parte do tempo que você gasta em mídias sociais deve ser focado em compartilhar e falar sobre o conteúdo publicado por outros.


Por Camila Zanqueta

quarta-feira, 29 de junho de 2011

VEJA O PODER DAS REDES SOCIAIS ATUALMENTE!!!



MOTIVE-SE!!!!!



Faleceu ontem a pessoa que atrapalhava sua vida...

Um dia, quando os funcionários chegaram para trabalhar, encontraram na portaria um cartaz enorme, no qual estava escrito:

"Faleceu ontem a pessoa que atrapalhava sua vida na Empresa. Você está convidado para o velório na quadra de esportes".

No início, todos se entristeceram com a morte de alguém, mas depois de algum tempo, ficaram curiosos para saber quem estava atrapalhando sua vida e bloqueando seu crescimento na empresa. A agitação na quadra de esportes era tão grande, que foi preciso chamar os seguranças para organizar a fila do velório. Conforme as pessoas iam se aproximando do caixão, a excitação aumentava:

- Quem será que estava atrapalhando o meu progresso ?
- Ainda bem que esse infeliz morreu !

Um a um, os funcionários, agitados, se aproximavam do caixão, olhavam pelo visor do caixão a fim de reconhecer o defunto, engoliam em seco e saiam de cabeça abaixada, sem nada falar uns com os outros. Ficavam no mais absoluto silêncio, como se tivessem sido atingidos no fundo da alma e dirigiam-se para suas salas. Todos, muito curiosos mantinham-se na fila até chegar a sua vez de verificar quem estava no caixão e que tinha atrapalhado tanto a cada um deles.

A pergunta ecoava na mente de todos: "Quem está nesse caixão"?

No visor do caixão havia um espelho e cada um via a si mesmo... Só existe uma pessoa capaz de limitar seu crescimento: VOCÊ MESMO! Você é a única pessoa que pode fazer a revolução de sua vida. Você é a única pessoa que pode prejudicar a sua vida. Você é a única pessoa que pode ajudar a si mesmo. "SUA VIDA NÃO MUDA QUANDO SEU CHEFE MUDA, QUANDO SUA EMPRESA MUDA, QUANDO SEUS PAIS MUDAM, QUANDO SEU(SUA) NAMORADO(A) MUDA. SUA VIDA MUDA... QUANDO VOCÊ MUDA! VOCÊ É O ÚNICO RESPONSÁVEL POR ELA."

O mundo é como um espelho que devolve a cada pessoa o reflexo de seus próprios pensamentos e seus atos. A maneira como você encara a vida é que faz toda diferença. A vida muda, quando "você muda".

Luís Fernando Veríssimo

terça-feira, 28 de junho de 2011

IMPORTÂNCIA DA VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE NA EMPRESA

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a vacina é a maneira mais eficaz de previnir a gripe. Como os adultos constituem o maior grupo de trabalhadores do país e, quando não vacinados, podem adoecer, a vacianação contra a gripe em empresas torna-se muito importante no ponto de vista socioeconômico.
A vacina contra a gripe proporciona vários benefícios para a empresa e seus funcionários.

Para a empresa:
* Diminuição da transmissão da gripe entre os funcionários, pois previne a possibilidade de repasse da doença;
* Redução na ausência dos funcionários devido a diminuição de visitas ao médico;
* Prevenção na queda de produtividade;
* Diminuição do absenteísmo

Para os funcionários:
* Aumento de produtividade no trabalho;
* Redução nos gastos com medicamentos;
* Não propagação da gripe entre seus famiiares;
* Melhoria da qualidade de vida

A vacina contra a gripe é, portanto, uma ferramenta capaz de impactar positivamente na saúde do indivíduo e na "saúde" dos negócios

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Ser ou não ser um Líder, eis a questão

Por: Adriano Gomes

Quando se fala do tema liderança, logo de início os olhos brilham. É um sentimento gostoso esse o de ser prestigiado como o melhor. O ruim é que no final de uma abordagem do tema o brilho se apague.
Muito já se tem falado sobre como uma empresa deve fazer para ser líder em seu setor, como conseguir mais clientes, como vender mais...
O que ninguém diz é que para uma empresa ser líder ela necessita de uma liderança muito bem fundamentada internamente. Alguém com uma visão das coisas muito maior que a média das pessoas. Portanto, alguém que se sobressaia.
É quase impossível pensarmos num líder sem coragem, que não ouse correr riscos, medroso e patético.
Liderança, como a maioria das pessoas pensa, seria algo que a pessoa já nasce com ela. É verdade que existem pessoas com traços de personalidade que as fazem encaixar-se no perfil de um líder. Mas sabemos que, sobretudo, um líder se constrói. Estes, talvez, sejam mais eficazes que os primeiros, já que, pelo menos, sabem que estão trilhando e para onde. Desta maneira, existem alguns tabus com relação ao tema que vamos discorrer abaixo :
 Liderança é para poucos agraciados: verdade e mentira ao mesmo tempo. Mentira, porque é uma faculdade que qualquer pessoa poderá desenvolvê-la. Verdade, porque somente os poucos agraciados que quiserem fazer o uso dos conhecimentos e vantagens que a liderança pode oferecer é que buscarão conhecimento para tal. De forma alguma poderemos imaginar liderança como um fator genético. Somente a vontade de cada pessoa é que poderá acordar o ânimo para enfrentar os desafios da liderança. Então, só depende de você. Para ser líder é preciso querer;
 O líder é um carrasco: infelizmente, quando perguntamos às pessoas para que forneçam um nome de um indivíduo que elas considerem como líder; sempre lhes surgem figuras de ditadores. Analisando, essas pessoas não são líderes, mas sim o que se adjetivou antes: ditadores. Pensar que homens que humilharam ou mesmo exterminaram outras pessoas, possam ser enquadrados neste campo seria terrível. O líder luta pela beleza e manutenção da vida. Luta por um futuro melhor. Têm ideais nobres e crenças que são de uma clareza meridiana. É muito difícil alguém querer liderar outras pessoas sem uma boa causa, por livre e espontânea vontade. Só o conseguem à base do medo, da perseguição, de armas, do tolhimento à liberdade de pensar e de agir. Amigos, isto pode ser tudo, menos um líder. Ser líder é comandar sem se fazer notar e sem praticar qualquer tipo de hierarquização;
 Líderes são pessoas boas: a bondade é um sentimento humano que muitas vezes é esbarrado pela dificuldade ou mesmo pela justiça. Quem é que em plena razão dos seus sentidos poderia pensar em matar, brigar, xingar, desprezar outras pessoas ? E não é exatamente isto que vemos diariamente nos jornais, televisão ou rádio? Esta luta irracional por uma coisa abstrata: o poder. Se o líder não souber medir a estreita faixa que o separa da bondade pura e doce do ser humano do tom populista e demagógico, passará a um mero escambo de favores; então ele será mais um aproveitador. Qualquer tipo de bondade deve ser impessoal, até para evitar o constrangimento de quem a recebe, já que não é nada agradável estar nas condições em que se encontram. Ser líder é saber ser também justo para com todas as pessoas;
 Líderes são carismáticos: as pessoas são diferentes e os líderes também. Poderemos encontrar líderes carismáticos, como não. Talvez o carisma seja resultado de uma liderança eficaz, e não o contrário. Quer dizer, se o resultado da liderança for o esperado ou acima do esperado, é comum que as pessoas comecem a despertarem algum tipo de empatia maior pelo líder. É quase inevitável. Mas, como alertamos antes, é preciso reaprumar as bases e seguir para frente e não morrer na praia dos sonhos. Eis aí a grande atitude do líder: nunca pensar que acabou. Sempre pensar em continuar na direção. Pode até mesmo ser que o próximo passo seja no sentido inverso da expectativa das pessoas. O líder sabe inclusive preparar as pessoas para a perda. Churchil soube erguer o ego dos ingleses durante a 2ª Guerra Mundial e até mesmo preparou o espírito do povo para uma eventual derrota contra Hitler;
 Liderança nas empresas só existe na cúpula: isto é uma grande tolice. Na verdade a liderança deve permear todos os níveis da empresa. É um equívoco acreditar que a liderança é definida em organograma ou no registro de cargos e salários da companhia. Quantos de vocês já devem ter visto verdadeiros gigantes em termos de liderança na empresa que trabalha sendo, hierarquicamente, inferior que seu chefe, por exemplo. O líder independe da situação. Ele se impõe a ela e a modifica. Esse é, quiçá, seu maior talento.

Repare que as coisas para o líder não param. Uma vez conseguida uma nova situação, esta passará a ser passível novamente de transformação. A maior genialidade do líder é, quem sabe, se autoquestionar incansavelmente. Saber que nada é perfeito, muito menos as suas ideias. Busca soluções compartilhadas e consegue bons resultados para todos.
Então, você ainda tem dúvidas que possa ser um líder?